Welink Accountants Welink Accountants
Contabilidade de custos

Contabilidade de custos

Welink Accountants

Welink Accountants

A contabilidade de custos é um sistema de contabilidade focado em calcular os custos de produção de uma determinada empresa. Desta forma a empresa poderá calcular os seus custos fixos, assim como uma estimativa dos custos variáveis. De forma a poder fazer estimativas financeiras e controlar os seus custos de produção internamente.

 

 

Conteúdo:

 

1. O que é a contabilidade de custos?

2. O que engloba a contabilidade de custos?

  • a. Custos fixos
  • b. Custos variáveis
  • c. Custos operacionais

3. Contabilidade de custos e o sector de actividade

4. Fórmulas de contabilidade de custos

  • a. Custo dos produtos vendidos
  • b. Custo de produção

 

 

1. O que é a contabilidade de custos?

 

A contabilidade de custos é um método utilizado pelas empresas de forma a estimar os custos associados à sua produção. Este tipo de custos são calculados frequentemente, de forma a controlar os gastos da empresa com a produção dos seus serviços ou produtos. Permitem estimar o lucro que a empresa irá obter. Ao mesmo tempo, permitem controlar os custos.

 

Estes custos são registados individualmente para cada um dos gastos da empresa. Dependendo do tipo de empresa e do tipo de custos associados à produção dos seus serviços e produtos a empresa poderá planear estes gastos, de forma a aumentar a sua margem de lucro.

 

 

2. O que engloba a contabilidade de custos?

 

A contabilidade de custos tem em atenção todos os custos associados à produção da empresa. Entre eles destacam-se os seguintes:

 

Custos fixos

Os custos fixos definem-se por ser custos que não variam independente da produção da empresa ser maior ou menor. Alguns exemplos incluem hipotecas ou rendas, associadas aos imóveis detidos pela empresa. Este tipo de custos não varia consoante a produção da empresa, e como tal são definidos como custos fixos.

 

 

Custos variáveis

Os custos variáveis incluem todo o tipo de inventário utilizado pela empresa para criar os seus produtos. No caso de ser uma empresa de serviços, todos os custos associados à prestação de serviços são incluídos neste tipo de custos. Por exemplo, uma empresa dedicada à construção civil terá como custos variáveis vários materiais de construção. Como este tipo de custos variam, é importante que as empresas contabilizem estes custos, e façam projeções futuras dos mesmos. 

 

 

Custos operacionais

Os custos operacionais estão diretamente relacionados com os custos em que a empresa incorre, para conduzir as suas atividades diariamente. Este tipo de custos podem ser classificados como fixos ou variáveis dependendo da situação específica e da empresa em causa. Por exemplo, a electricidade que é consumida pela empresa é um custo operacional. Porém este custo varia. Uma empresa de serviços com um escritório, terá por norma um custo mensal relativamente fixo com a electricidade. Porém uma empresa no sector industrial, utilizará electricidade dependendo do nível de produção num determinado período temporal. Como tal este tipo de custo será classificado como custo variável.

 

 

Custos diretos e indiretos

Os custos diretos são outro tipo de custos que deve ser considerado, em termos de contabilidade de custos. Os custos diretos estão diretamente associados à atividade da empresa. Por exemplo, uma empresa de construção civil terá como custos diretos associados à sua atividade materiais de construção. 

 

Os custos indirectos não estão directamente associados à actividade empresarial. Como tal, compreendem alguns custos como por exemplo electricidade, no caso de uma empresa de serviços.

 

Deverá ter em consideração o facto de ambos os custos directos e indirectos poderem ser considerados custos fixos e variáveis. Isto depende do tipo de empresa e do sector de atividade.

 

 

3. Contabilidade de custos e o sector de actividade

 

Como referimos, a contabilidade de custos é importante para as empresas poderem projectar os seus custos de produção. Vejamos o exemplo de uma empresa no sector da construção civil. No início do ano, os contabilistas preparam as estimativas de custos para a empresa em questão.

 

As estimativas tentam ter em consideração os preços correntes dos materiais de construção e outros custos associados a este tipo de atividade. Caso o preço dos materiais de construção, ou de um material de construção em específico esteja a aumentar, a empresa poderá adquirir este tipo de materiais com antecedência. Desta forma poderá controlar os custos e ter uma projeção mais exacta dos custos. 

 

Por fim, a empresa poderá evitar ter de pagar um preço mais alto por este tipo de material. O que poderia fazer com que a sua margem de lucro fosse inferior, e possivelmente forçar a empresa a aumentar o preço dos seus serviços.

 

A contabilidade de custos varia bastante de sector de atividade, assim como o tipo de planejamento utilizado pela empresa.

 

 

4. Fórmulas de contabilidade de custos

 

Existem algumas fórmulas que deverá ter em consideração, caso pretenda contabilizar os custos da sua empresa.

 

Custo dos produtos vendidos

O custo dos produtos vendidos é um dos mais importantes indicadores contabilísticos. É calculado pela soma do inventário inicial mais as compras de inventário, menos o inventário final. O custo de produtos vendidos é habitualmente calculado para um período específico. A fórmula utilizada é a seguinte:

 

Custo de produtos vendidos = inventário inicial + compras - inventário final

 

 

Custo de produção

O custo de produção é outra das fórmulas utilizadas frequentemente para calcular o custo que a empresa tem de incorrer para produzir os seus produtos, ou prestar serviços. A sua fórmula é a seguinte:

 

Custo de produção = custos das matérias-primas + custo da mão de obra + custos indiretos

É um contabilista certificado ou um revisor oficial de contas?

Referencie o seu escritório no primeiro site especializado em contabilidade.